Mensagens

A mostrar mensagens de Maio 11, 2014

Underneath: Qaya #27

Imagem
As gémeas misturaram-se com a multidão e sem conseguir ver a cor do vestido de cada uma, Troy não sabia a direcção que elas tinham tomado separadamente.
     Ele caminhava por entre a multidão de pessoas que passeava pelas ruas, vestidas com vestidos, saias compridas ou calças muito justas com camisolas fluídas, com Catarina apoiada nele e Ryan mesmo atrás. Cada pessoa segurava uma vela, grande ou pequena, com a chama a arder. As ruas estavam iluminadas não só pelas tochas cautelosamente distribuídas nas paredes, como pelas velas que cada pessoa segurava num pequeno prato decorado. Qaya estava cheio de surpresas e mistérios e um deles era esta animação. Troy conseguia ouvir a música a vir duma praça muito perto deles e conseguia cheirar algo a ser preparado numa espécie de churrasco. Ouvia vozes a cantarolarem e crianças a rir. Troy olhava em redor e apesar de não perceber uma palavra proferida, ele sabia que significava algo de bom e isso fazia diminuir o medo que sentia a nasce…

Underneath: Qaya #26

Imagem
Troy caminhava, lado a lado com Catarina, atrás de Violet. Ela não tinha ideia por onde ir mas mesmo assim andava tão segura de si mesma que tinha piada. Troy controlou o sorriso. Catarina reparou.  - O que foi? - sorriu de fininho.  - Nada... nada - abanou a cabeça.      Ele olhou para trás e viu Melody e Ryan a conversarem. Ou melhor, quem falava era apenas o seu melhor amigo. O grupo inteiro agia tão normalmente que nem pareciam estar noutra Galáxia, noutro Planeta. A ideia parecia absurda, de repente. Porém, ao olhar para os lados, para cima e para a frente, ele reconhecia que nada disto era normal. Tudo à volta deles era diferente. Parecia que estavam noutra era. Num sonho. Numa ilusão. Ele olhava em redor e sabia que quando regressasse a casa nada estaria igual. Troy nem tinha certeza se iria ver o rosto dos seus pais outra vez. Ele não tinha certezas de nada. E ao caminhar para aquele jardim, com Violet a guiá-los para o desconhecido, ele tomou a decisão de tentar. Não por…