Mensagens

A mostrar mensagens de Dezembro 11, 2011

Delírios de Amor - XXXXVII

Imagem
Adormeci em casa dele, num sofá confortável.
Quando acordei e vi as horas que eram fiquei desesperada! Já passava das nove da manhã e isso significava que não conseguíamos chegar à primeira aula da manhã a tempo. 
Iara: Fábio! Fábio, acorda, vá! Fábioooo !  Fábio: Hum, que se passa? - com a voz sonolenta.  Iara: São nove e quarenta e sete Fábio! Perdemos a primeira aula, vá despacha-te que não posso faltar assim!  Fábio: Han? Já? Oh, não faz mal. Vamos para a escola durante o primeiro intervalo, ficamos aqui vá. - puxando-me pela cintura para me deitar outra vez com ele. Iara: Tu ficas aqui, eu tenho que ir. Principalmente tenho aula a seguir com a doentia stora Mónica.   Fábio: Nunca ouvi tal nome - disse despreocupado.  Iara: És novo na escola burro, óbvio que não. Mas ela é mesmo psycho, odeio-a, a escola toda odeia - disse a vestir-me. Fábio: Então porque não a despedem?  Iara: Porque ela é daquelas professoras muito bem qualificadas ou sei lá o quê. Veio do estrangeiro, dizem que é um gé…

us

Imagem
era tudo bonito quando começou, o meu coração nem imaginou que mais tarde ele bateria por ti. agora olha, tarde de mais não é? pois. era mais simples quando falávamos todos os dias simplesmente para nos picarmos, fazer-nos rir um pouco mais que o costume e falar de coisas que ninguém mais entende. era giro, era. e quando simplesmente me agarravas para tentar pisar-me, ou mandar-me ao chão só para me gozares um pouco mais? mesmo que me aleijasse não me importava, sabia que te tinha lá, comigo. mas depois, e depois afaste-te, afastámos-nos. superei isso, não me importei. ou melhor, nem reparei bem nisso, em nós quanto a amigos.
voltámos a aproximar-nos, não como dantes, mas o suficiente para dizer que já te tinha de novo. afastaste-te, ignorei pois não tinha mais nenhuma reação a ter. não iria ser a tua cadelinha que iria atrás de ti no matter what. e acabei por encerrar tal assunto, colocando o meu ponto final naquela história. sem ligar ao que sentia por ti, e isso já nem eu queria s…