Delírios de Amor - X

 Fomos à procura das nossas lojas preferidas, até que vimos a Stradivarius. E como sempre, ficamos caídas de desejo pelas roupas que lá haviam.
Iara: Ai V, quero tudo.
Vanessa: Mesmo mesmo mesmo mesmo !
 Entrei na loja com o passo apressado, para ver o que lá havia. Peguei pelo menos nuns dez tops , nuns três calções , dois cintos e um vestido. A Vanessa já tinha a loja no provador, tinha de tudo um pouco. Desde sapatos a laços para o cabelo.
Vanessa: Quando ganhar o  Euro Milhões , eu compro esta loja todinha .
Iara: Como é óbvio, partilhas do dinheiro comigo e eu compro também, unf.
Vanessa: Ahum, é isso tudo.
 Ela quis que eu visse como as coisas lhe ficavam, e tudo ficava-lhe perfeitamente lindo lindo. Ela só escolhia peças que realçavam o corpo dela, e os acessórios, bem, linda de morrer. Ela já é linda, com o cabelo loiro meio acastanhado, com olhos verdes claros, sim sim. A minha melhor amiga é linda.
Vanessa: Vá , agora és tu a experimentar a roupa que escolheste.
Iara: Vou experimentar primeiro os tops com os calções e já te mostro.
Vanessa: Está bem, despacha-te.
  Cada coisa que experimentava ficava mais animada, já não vinha às compras à três semanas, e sim eu venho muito às compras. Nem que seja a lojas com roupa em segunda mão, porque até lá há roupas muito bonitas.
Quando saí do provador para mostrar como fiquei à Vanessa ela quase teve um enfarte meu Deus.
Vanessa: Estás linda Jesus.
 Olhei-me no espelho e vi-me a mim, vi uma rapariga alta de cabelos castanhos, olhos verdes escuros, morena e achei piada por finalmente achar que posso vir a ser algo no Mundo. Não só a Iara que todos conhecem, mas A Iara que eu quero ser um dia.
Neste pensamento todo, deixei de tomar atenção à Vanessa até que esta me gritou.
Vanessa: Vá, já chega. Eu sei que és muito linda e tal, mas chega.
Iara: Ahah , esta bem. Vou levar tudinho, e tu ?
Vanessa: Obviamente que sim.
  Levámos tudo para a caixa, e pagámos. E daí fomos directas comprar gelado.

Cheguei a casa já eram onze da noite. Estava ainda, cheia de energia. Mas isso logo passou quando me lembrei do Pedro. Raios, tinha de o esquecer como fiz no Shopping, porque é que não é assim tão fácil ? Aquilo estava mesmo a consumir a minha cabeça, e tinha de arranjar alguma coisa para me entreter. Não consegui lembrar-me de nada, mas logo me surgiu a ideia de fazer um monte de pipocas e ver pelo menos dois filmes de comédia. O único problema que quase me ia arruinando o passatempo, foi que não tinha filmes de comédia, mas quem diria. Só que, ( a minha cabeça pensa muito, ahah ) o clube de vídeo ainda estava aberto o que dava para ir alugar filmes.
 Demorei cerca de vinte minutos a preparar tudo incluindo a buscar os filmes.
 Estava tudo a correr às mil maravilhas, até que o meu móvel toca. Quem será ? O Pedro. Só me passava pela cabeça não atender, mas e se ele se magoou e está a ser raptado ? ( oh meu Deus, já ando a alucinar.) Mas por precaução, atendi.

- Estou ? Porque ligaste-me a estas horas ?
 ( Já eram duas da manhã, e estava a meio do segundo filme e da quarta taça de pipocas. )
- Não conseguia dormir, e há meia hora que ando a dar voltas na cama. E queria alguém com quem falar.
- Quer dizer, foste dormir há meia hora e como não consegues adormecer ligas-te ?
- Exacto, sempre gostei dessa tua inteligência.
  E ri-se.
- Ai, calou. Estou a ver um filme, agora não dá.
- Oh .
- Oh nada, vá falamos quarta-feira, beijinhos e não me ligues mais a estas horas da noite.
- Não desligues.
- Porquê ?
- Diz que me amas, preciso de dormir com palavras doces na minha cabeça.
- Ai oh Pedro, boa noite para ti também.
  E nisto, desliguei sem pensar no que ele poderia pensar. Continuei a ver o filme como se a chamada não tivesse acontecido, e depois adormeci no sofá.

  Eram duas da tarde, quando finalmente acordei. E só o fiz porque o móvel tocou.
Iara: Ah , hum , sim estou ?
João: Oh meu Deus não me digas que acabaste de acordar ?
Iara: Nem comentes, ligaste para ?
João: Eu e a Vanessa daqui a duas semanas fazemos sete meses de namoro , e eu queria fazer-lhe algo especial . Será que me podes ajudar ? és a melhor amiga dela .
Iara: Claro que sim. Mas João, faltam duas semanas.
João: Eu sei, mas é para ficares a saber que eu quero tua ajuda.
Iara: Está bem então, mais alguma coisa ?
João: Por agora nada, mas espera.
Iara: Diz.
João: Olha, como vai tudo com o Pedro ?
  Estes dois são melhores amigos desde de que nasceram, e o Pedro conta tudo à querida alma do João, e pronto tenho que aturar isto.
Iara: Pergunta-lhe.
João: Ei pronto, desculpa se toquei na ferida, ahah .
Iara: Parvo, cala-te oh.
João: Ahah , falamos mais tarde, até já gorda.
Iara: Sempre muito simpático, até já feio.
 E desliguei. Estava mesmo pronta para ir para a cama e dormir, mas já eram duas e meia da tarde e pronto era tarde.

continua. 

Sem comentários:

Enviar um comentário

expressa-te:

bright petals.